CÂMARA DE LOBOS - DICIONÁRIO COROGRÁFICO

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z
 
Entrada > Dicionário > Q > Quinta do Pomar
 

 

 

Quinta do Pomar

 

 

 

A Quinta do Pomar com a sua capela dedicada a Santo António, situa-se na freguesia da Quinta Grande, no concelho de Câmara de Lobos.

Em 1794 a Quinta do Pomar pertencia ao morgado Fernando José Correia Brandão Henriques de Noronha, 1º visconde de Torre Bela e a sua mulher D. Emília Henriqueta Sousa Coutinho e que a haviam herdado de sua mãe e sogra D. Ana Rosa de Vilhena Carvalhal Esmeraldo[1]. Nesse ano é vendida ao reverendo Francisco Joaquim Gonçalves[2],[3],[4].

Em 1883, altura em que manda construir a capela de Santo António, pertencia a quinta ao padre António Silvino Gonçalves de Andrade[5], que a doa, em 1902, a sua sobrinha Ilda Beatriz Pinto Prado, filha de Caetana Nicolina Gonçalves, 2ª mulher do major Guilherme Quintino Pinto Prado e casada com o Dr. João Francisco de Almada.

Posteriormente passa a propriedade do solar e capela para a posse do Dr. Manuel Prado de Almada, que a doa a sua irmã Maria Pardo de Almada Cardoso, casada com o Dr. Agostinho Gabriel de Jesus Cardoso, e que, por sua vez, em 1997, a transmite a dois dos seus filhos: Teresa Maria Prado Almada Cardoso Perry Vidal e o Dr. António João Prado de Almada Cardoso.

Ao que tudo indica[6], o solar terá sido, em diferentes épocas, alvo de várias obras de ampliação, sendo o seu piso, onde se encontra integrada a capela, contemporânea desta, ou seja, de 1883 e construído pelo padre António Silvino Gonçalves de Andrade.

Neste solar terá funcionado, durante vários anos, aquela que terá sido a primeira escola primária da Quinta Grande.

Em 20 de Julho de 1996 é alvo de um incêndio que a destrói completamente.


 


[1]      PAREDES, M. Favila. A Quinta do Pomar na freguesia da Quinta Grande. Revista Islenha.

[2]      PAREDES, M. Favila. A Quinta do Pomar na freguesia da Quinta Grande. Revista Islenha.

[3]      O Reverendo Francisco Joaquim Gonçalves, era filho de Nicolau Gonçalves de Andrade, natural do Campanário e de  Maria de Andrade e irmão de Manuel Joaquim Gonçalves de Andrade, que foi bispo de São Paulo.

[4]      FREITAS, M. Pedro. Estrada Bispo Manuel Joaquim Gonçalves de Andrade. Jornal da Madeira, 13 de Dezembro de 1998.

[5]      FREITAS, M. Pedro. Estrada padre António Silvino Gonçalves de Andrade. Jornal da Madeira, 30 de Agosto de 1998.

[6]      PAREDES, M. Favila. A Quinta do Pomar na freguesia da Quinta Grande. Revista Islenha.

 

Câmara de Lobos

Dicionário Corográfico
Edição electrónica

Manuel Pedro Freitas

 

Câmara de Lobos, sua gente, história e cultura