CÂMARA DE LOBOS - DICIONÁRIO COROGRÁFICO

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z  
 
Entrada > Dicionário > R > Relógio da Igreja Paroquial do Estreito de Câmara de Lobos
 

 

 

 

Relógio da Igreja Paroquial do Estreito de Câmara de Lobos

 

A sua inauguração data de 26 de Setembro de 1937. A iniciativa da sua instalação, teve no professor Ângelo de Menezes Marques, o seu principal impulsionador e que reuniu em seu redor uma comissão destinada a angariar os fundos necessários e da qual, para além dele, faziam parte: João Albino de Barros; António Agostinho Figueira Pereira; João César Figueira Pereira e Francisco Olavo Macedo e Silva. Para a instalação do relógio, adquirido a Manuel Francisco Cousinha, de Lisboa, foi necessário ampliar a torre da igreja, tendo o custo total das obras de ampliação da torre, relógio e sua instalação importado em 58.361$12.

A torre da igreja que media 14,50 metros foi aumentada em 13,30 metros ficando com 27,80 metros de altura. O relógio dispunha de três sistemas de eixos: um de 250 kg para as horas; outro de 200kg para os quartos de hora e o terceiro de 186 kg para os mostradores. A máquina pesa 200 kg e os pesos 550 kg. A corda dura 8 dias, podendo o relógio sem ela funcionar durante 20 minutos.

As despesas com as obras do levantamento da torre e aquisição do relógio que custou 19.500$00 orçou em cerca de 60.000$00.

 

 

Câmara de Lobos

Dicionário Corográfico
Edição electrónica

Manuel Pedro Freitas

Câmara de Lobos, sua gente, história e cultura