CÂMARA DE LOBOS - DICIONÁRIO COROGRÁFICO

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z
 
Entrada > Dicionário > T > Toponimia
 

 

 

 

Tal como acontece com as pessoas, também as ruas, estradas, caminhos, veredas e lugares são identificados com nomes. Umas vezes a atribuição desse nome teve por base uma homenagem a uma pessoa, outras um acontecimento e outras ainda, referências particulares neles existentes, suficientemente importantes para as identificar, como uma fonte, um acidente orográfico, uma pessoa, uma planta, uma edificação, etc.

Contudo, se em muitas situações encontramos a razão para a origem de determinada referência toponímica, noutras a sua explicação permanece obscura, o que não será para admirar, se tivermos em conta que ao longo dos anos muita da informação transmitida oralmente se perdeu ou que muitas das referências que estiveram na sua base desapareceram ou foram sujeitas a alterações.

Nesta página, procuraremos recordar algumas marcas toponímicas do concelho de Câmara de Lobos, umas fazendo parte da nossa vivência diária, outras infelizmente, já desaparecidas. Nalgumas é possível encontrar as suas origens, noutras, não.

 


TOPONÍMIA LIGADA ÀS RUAS

 

 

 

TOPONÍMIA LIGADA ÀS ESTRADAS

 

TOPONÍMIA LIGADA AOS CAMINHOS

 

TOPONÍMIA LIGADA ÀS VEREDAS

 

TOPONÍMIA LIGADA AOS LARGOS

 

 

TOPONÍMIA LIGADA ÀS PRAÇAS E PRACETAS

 

TOPONÍMIA LIGADA AOS JARDINS

 

 

TOPONÍMIA LIGADA ÀS PESSOAS E INDIVIDUALIDADES

 

Ainda que tenha por objectivo primordial a identificação de localidades e arruamentos, a toponímia tem sido um importante veículo de homenagem a homens e mulheres cuja importância económica, social ou acção nas ciências, nas artes, na política, na cultura, etc. os fizeram sobressair dos restantes elementos da comunidade em que estavam inseridos.

A exemplo do que acontece um pouco por toda a parte, o concelho de Câmara de Lobos, também ostenta na sua toponímia o nome de pessoas, umas inequivocamente merecedoras de tal distinção, outras de importância discutível, outras porque, na ocasião da implementação de determinada urbanização ou loteamento eram proprietários dos respectivos terrenos, outras porque, de uma forma ou de outra ficaram associados a um acontecimento vivido em determinado momento, de forma marcante ou emotiva, na comunidade e, outras ainda, simplesmente porque, vivendo num determinado arruamento sem denominação, o seu nome constituía a mais conhecida associação com esse mesmo arruamento, etc.

Apesar da desvirtuação que, no concelho de Câmara de Lobos, tem a toponímia como veículo de homenagem aos indivíduos que sendo ou não naturais ou residentes o concelho, sejam merecedores de particular referência pelo seu papel na comunidade local ou fora dela, não poderemos deixar de destacar a sua importância. Contudo tal não invalida uma opinião crítica e uma reflexão sobre a metodologia utilizada neste tipo de homenagem, sob risco de o descredibilizar completamente.

Naturalmente que na avaliação da importância dos indivíduos alvo de destaque toponímico, não poderemos esquecer o ambiente sócio-económico, político e cultural em que viveu e as circunstâncias que levaram as populações a lhe darem destaque. Com efeito, se no século XIX era compreensível, numa comunidade, predominantemente analfabeta, inculta e de fracos recursos, destacar a figura do médico, do padre, do regedor e do professor só pelo exercício das suas “nobres” funções e dar-lhe honras toponímicas, hoje esta situação é inconcebível, a não ser que, no exercício da sua actividade profissional ou não, surjam dados relevantes e de importância local, regional ou nacional que os diferenciem de outros profissionais congéneres.

 

Na freguesia de CÂMARA DE LOBOS é possível encontrar na toponímia nomes como: Almeida Garrett [Rua Almeida Garrett], Brito Capelo [Rua Brito Capelo], Serpa Pinto [Rua Serpa Pinto], Padre Manuel Juvenal Pita Ferreira [Rua Padre Manuel Juvenal Pita Ferreira], Padre Eduardo Clemente Nunes Pereira [Rua Padre Eduardo Clemente Nunes Pereira], Dr. João Abel de Freitas [Rua Dr. João Abel de Freitas], Roque de Agrela [Rua Roque de Agrela], José Avelino Pinto [Estrada de José Avelino Pinto], Alferes Manuel Joaquim Lopes [Rua Alferes Manuel Joaquim Lopes], Dr. Manuel Carlos Henriques Pereira [Rua Dr. Manuel Carlos Henriques Pereira], Francisco Abreu de Barros [Rua Francisco Abreu de Barros], João Gonçalves Faria [Rua João Gonçalves Faria], João Ricardo Ferreira César [Rua João Ricardo Ferreira César], João de Nóbrega Noronha [Rua Maestro João de Nóbrega Noronha], Padre António Rodrigues Dinis Henriques [Estrada Padre António Rodrigues Dinis Henriques], Condes de Torre Bela [Rua Condes de Torre Bela], João Ernesto Pereira [Caminho de João Ernesto Pereira], João Gonçalves Zarco [Estrada de João Gonçalves Zarco]

Para além destes nomes é possível encontrar outras referências toponímicas associadas a pessoas mas cuja denominação foi dada, tendo por base a tradição popular, que associada a identificação de pequenos arruamentos, habitualmente veredas, ao nome de pessoas que lá tinham residência, sem que isso tivesse propriamente qualquer conotação com a sua importância social ou económica ou com qualquer outro destaque. São exemplos desta situação a Ponte do Sabino, numa alusão a Sabino Teodoro da Silva,

No tempo perderam-se os nomes de Azevedo Coutinho [Rua de Azevedo Coutinho], Joaquim Pestana [Rua de Joaquim Pestana]; o Dr. Antonino Eduardo Pestana [Largo Dr. Eduardo Antonino Pestana]; Conselheiro José Dias Ferreira [Rua Conselheiro José Dias Ferreira]

 

Na freguesia do ESTREITO DE CÂMARA DE LOBOS, a toponímia ostenta os seguintes nomes: Padre Agostinho Figueira Faria [Rua Cónego Agostinho Figueira Faria], Dr. António Vitorino de Castro Jorge [Rua Dr. António Vitorino de Castro Jorge e Azinhaga Dr. António Vitorino de Castro Jorge], Dr. Alberto Henriques de Araújo [Rua Dr. Alberto Henriques de Araújo], Prof. José Joaquim da Costa [Rua Prof. José Joaquim da Costa], Francisco Plácido Vieira [Rua Francisco Plácido Vieira], Francisco Figueira Ferraz [Rua Francisco Figueira Ferraz], João Augusto de Ornelas [Rua João Augusto de Ornelas], D. Jacinta de Ornelas Pereira [Rua Fundação D. Jacinta de Ornelas Pereira], Ernesto Alves Pinto Correia [Caminho de Ernesto Alves Pinto Correia], José Avelino Pinto [Estrada de José Avelino Pinto], José Ângelo Pestana Barros [Estrada de José Ângelo Pestana Barros], Padre José Figueira de Ornelas [Azinhaga Padre José Figueira de Ornelas], António Prócoro de Macedo Júnior [Rua António Prócoro de Macedo Júnior], Capitão Armando Pinto Correia [Rua Capitão Armando Pinto Correia]; [Estrada do Brasileiro]

 

Na freguesia da QUINTA GRANDE, a toponímia ostenta os seguintes nomes: Dr. João de Almada [Caminho Dr. João de Almada e Estrada Dr. João de Almada], Padre António Rodrigues Dinis Henriques [Estrada Padre António Rodrigues Dinis Henriques], Padre António Silvino Gonçalves de Andrade [Estrada Padre António Silvino Gonçalves de Andrade], Professora Alice Gonçalves Azevedo Pereira [Estrada Professora Alice Gonçalves Azevedo Pereira], Bispo D. Manuel Joaquim Gonçalves Andrade [Estrada Bispo Manuel Joaquim Gonçalves Andrade]

 

Na freguesia do CURRAL DAS FREIRAS, a toponímia ostenta unicamente o nome do Eng. Jaime Ornelas Camacho [Rua Eng. Jaime Ornelas Camacho], como individualidade.

 

Na freguesia do JARDIM DA SERRA, a toponímia ostenta o nome do Dr. Alberto Henriques de Araújo [Rua Dr. Alberto Henriques de Araújo]

 

 

 

TOPONÍMIA LIGADA À IGREJA CATÓLICA

 

A Igreja Católica exerceu, desde os primórdios do povoamento da Madeira, uma importante influência na sua vida social e económica. Era em torno das igrejas, tal como ainda hoje se verifica, sobretudo nos meios rurais, que se concentrava a maior parte da actividade económica e social das populações.

Sendo assim, não será para admirar que a Igreja Católica, através da própria localização das suas sedes de culto, através dos seus Santos ou através dos seus sacerdotes surja com alguma frequência e importância na toponímia local.

Para além do orago correspondente à igreja matriz da paróquia ou freguesia e que, nalguns casos, esteve na origem da denominação de algumas freguesias, uma das mais antigas referências toponímicas relacionadas com a igreja está na denominação as suas zonas vizinhas – Vizinhança da Igreja, Casas Próximas [da igreja] e Sítio da Igreja.

Outros topónimos inspirados na Igreja Católica são a utilização das capelas, seus oragos, instituições religiosas e nomes dos seus Santos e de alguns dos seus sacerdotes para referenciar ruas, estradas, caminhos e veredas.

 Na freguesia de Câmara de Lobos é possível encontrar o Sítio do Espírito Santo, surgido em relação com a Capela do Espírito Santo, aí localizada; o Sítio de Belém, em relação com uma capela em honra de Nossa Senhora de Belém que em tempos aí existiu; a Rua de São João de Deus; o Jardim de São Francisco de Assis; a Estrada de Santa Clara; a Rua de Santa Cecília; a Rua de São Cândido; a Rua do Espírito Santo; a Rua Frei Pedro da Guarda; o Caminho de São Bernardino; a Rua Padre Manuel Juvenal Pita Ferreira; a Rua Padre Eduardo Clemente Nunes Pereira; o Caminho de São João; o Sítio de Jesus Maria José; a Estrada Padre António Rodrigues Dinis Henriques; a Rua Padre António Sousa da Costa; Quintinha de São João; Rua da Quintinha de São João; a Quinta de São João; o Externato do Espírito Santo; o Caminho do Vigário; a Ribeira do Vigário; a Praia do Vigário; Caminho das Preces, Impasse das Preces e Quinta das Preces, em relação com a Capela de Nossa Senhora das Preces; Ponte dos Frades

 

Na freguesia do ESTREITO DE CÂMARA DE LOBOS, é possível encontrar o sítio da Igreja; a Rua da Igreja; a Rua Cónego Agostinho Faria Figueira; a Azinhaga Padre José Figueira de Ornelas; a Rua da Capela das Almas; Rua do Calvário; o Sítio da Quinta de Santo António; o Caminho da Quinta de Santo António; o Caminho do Lombo da Quinta de Santo António

 

Na freguesia da QUINTA GRANDE, é possível encontrar o Sítio da Câmara de Bispo; o Sítio da Cadeirinha; o Sítio da Vera Cruz; o Caminho da Vera Cruz; o Sítio da Porta, em relação com o local onde se admite ter existido a porta de entrada para a Quinta Grande e onde terá existido uma capela; a Estrada Padre António Rodrigues Dinis Henriques; a Estrada Padre António Silvino Gonçalves de Andrade; a Estrada Bispo Manuel Joaquim Gonçalves Andrade; a Estrada da Câmara do Bispo; a Estrada da Igrejinha; a Vereada da Igreja; a Vereada do Bispo

 

Na freguesia do CURRAL DAS FREIRAS, é possível encontrar o sítio das Casas Próximas [da Igreja]; o Sítio da Capela.

 

Na freguesia do JARDIM DA SERRA é possível encontrar a Rua da Igreja; o Sítio da Fonte Frade; a Rua da Capela; a Rua de Santo Isidro; Sítio da Fonte Frade;

 

 

Câmara de Lobos

Dicionário Corográfico
Edição electrónica

Manuel Pedro Freitas

Câmara de Lobos, sua gente, história e cultura